MENU FECHAR

Netflix e a fotografía analógica

Netflix e a fotografía analógica

A Netflix segue surpreendendo os fotógrafos de paixão pela qualidade em suas produções e a disponibilidade de conteúdos, a exemplo disso temos o Kodachrome, um filme dispositivo produzido pela Kodak e conhecido pela sua reprodução em cores.

O filme conta a jornada de um fotógrafo que tem um câncer em estado terminal e junto com seu filho viajam em busca do último laboratório da Kodak, nos Estados Unidos, para revelar algumas fotografias antigas.

A produção estreou no Festival Internacional de Cinema de Toronto, dirigida por Mark Raso e foi adquirido pela Netflix por US$ 4 milhões, em formato de road movie.

O Kodachrome foi um filme positivo considerado o melhor do mundo pela fidelidade de reprodução de cores. Foi produzido pela Kodak em diversos formatos (8mm, 16mm, 35mm) e foi utilizado em fotografia e cinema. A Kodak descontinuou o filme em 2009 por conta da queda das vendas. Como o processo era muito complexo, apenas 25 laboratórios em todo o mundo revelavam o Kodachrome.

https://www.youtube.com/watch?v=g3IvVejktJE